Advogado que foi o 2º mais votado, fica de fora da lista tríplice do TRT, e ex-esposa do presidente que ficou empatada entrou na vaga

A lista tríplice para escolha do novo desembargador do TRT21, foi escolhida. Entre os cinco mais votados ficaram:

1º Marcelo Barros

2º Eduardo Rocha e Marisa Almeida ( cada um teve 4 votos)

3º Augusto Maranhão.

4º Lucia Jales

Até aí tudo bem, mas…. Tanto o advogado Eduardo Rocha, quanto a advogada Marisa Almeida, tiveram 4 votos, ou seja, ficaram empatados.

Só que ao invés de entrar os TRÊS melhores colocados, que no caso seria Marcelo, Eduardo e Marisa, entrou o que teve menos votos, que foi Augusto Maranhão.

Mas até aí … ainda tudo bem… O que causou chateação entre vários advogados, foi que o 2º nome da lista foi escolhido pelo presidente do TRT21, Bento Herculano, que é ex-marido e pai de uma filha da advogada escolhida, Marisa Almeida.

Deixando assim de fora o advogado Eduardo Rocha, que também foi o 2º mais votado. Se alguém tivesse de ficar de fora, que ficasse o advogado que ficou em terceiro lugar, afinal de contas se houve empate, é porque estes dois foram os mais votados. Agora desnecessário total desclassificar um advogado que foi o segundo mais votado, para escolher a ex-esposa. Não ficou legal, ficou bem feio.

Compartilhar no linkedin
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no print

Deixe uma resposta

VEJA TAMBÉM

Thalita Moema

Aqui você pode falar um pouco sobre você, sobre o site!

Publicidade

  • Mídia Kit
  • Anuncie
  • Contato

Sobre

  • Politica de privacidade
  • Termos de uso
  • Sobre o Blog

Links úteis

  • Politica
  • Notícias
  • Viagens
error: O conteúdo está protegido !!