Apenas Benes Leocádio e Fábio Faria votaram contra professores na Reforma da Previdência

0

Foi aprovado nesta quarta-feira 10, o texto-base da reforma da Previdência, a Câmara dos Deputados deu início à votação das propostas de mudança do texto. O único destaque que foi apreciado porém foi rejeitado por 265 votos a 184. Era a emenda que retirava os professores da reforma, mantendo as atuais regras de aposentadoria da categoria. 

Apenas os deputados Fabio Faria e Benes Leocádio, votaram à favor para manter os professores da Reforma da Previdência.

A proposta foi apresentada pelo deputado Wellington Roberto (PL-PB), a emenda pedia que os professores continuassem sem idade mínima para se aposentar e também foi rejeitada na comissão especial, no RN, apenas Benes e Fábio rejeitaram a proposta, os demais concordaram. De acordo com as regras atuais, essa categoria precisa contribuir por 25 anos no caso das mulheres e por 30 anos no caso dos homens para se aposentar. O texto da reforma, contudo, exige, além desse tempo de contribuição, a idade mínima de 57 anos (mulheres) e 60 anos (homens) dos professores.

Veja como votaram os deputados do RN, SIM é para retirar os professores da nova Reforma da Previdência e permanecer como está a aposentadoria. E NÃO, é para manter os professores na nova Reforma da Previdência, ou seja votaram contra os professores. Com a votação, os professores serão mantidos na Reforma da Previdência, vão precisar cumprir idade mínima e tempo de contribuição e serviço para se aposentar. 

Fábio Faria – NÃO 

Walter Alves – SIM

Benes Leocádio – NÃO 

Nathalia Bonavides – SIM

Beto Rosado – SIM

General Girao – AUSENTE

João Maia – SIM

Rafael Motta – SIM

___________________________________

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here