Justiça rejeita denúncia contra presidente da OAB que atribuiu a Moro ‘bancar chefe de quadrilha’

O juiz federal Rodrigo Bentemuller, da 15.ª Vara Federal do Distrito Federal, decidiu não abrir ação penal contra o presidente da OAB, Felipe Santa Cruz, que foi acusado pelo Ministério Público Federal de calúnia contra o Ministro da Justiça, Sergio Moro.
A ação pelo MPF foi aberta após Felipe Santa Cruz, falar a verdade durante uma entrevista à Folha de São Paulo, onde disse:
“O ministro usa o cargo, aniquila a independência da Polícia Federal e ainda banca o chefe de quadrilha ao dizer que sabe das conversas de autoridades que não são investigadas”. A fala é referente ao inquérito da Operação Spoofing, que apura o ataque de hackers contra celulares de figuras públicas e divulgadas pela Folha de São Paulo e The Intercept.
Se o juiz não acatou a denúncia, é porque certamente ele acredite na mesma coisa.
Hoje, o poderosíssimo Moro está sentindo na pele, o que ele fez com os outros.

Compartilhar no linkedin
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no print

Deixe uma resposta

VEJA TAMBÉM

Thalita Moema

Aqui você pode falar um pouco sobre você, sobre o site!

Publicidade

  • Mídia Kit
  • Anuncie
  • Contato

Sobre

  • Politica de privacidade
  • Termos de uso
  • Sobre o Blog

Links úteis

  • Politica
  • Notícias
  • Viagens
error: O conteúdo está protegido !!