PDT nacional proíbe que membros declarem apoio a Bolsonaro

O PDT nacional fechou nesta quarta-feira 10, com o PT, para apoiar Fernando Haddad, em troca cinco grandes cargos: – A Casa Civil. – O Ministério do Planejamento. – O comando do BNB. – Um ministério para Carlos Lupi. – A presidência do Senado para Cid Gomes.

O presidente da legenda proibiu que todos os membros do partidos subam em palanques e anunciem apoio ao candidato à presidência Jair Bolsonaro.
Sendo assim fica proibido todo e qualquer membro ou candidato declarar apoio ao Bolsonaro.

Compartilhar no linkedin
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no print

Deixe uma resposta

VEJA TAMBÉM

Thalita Moema

Aqui você pode falar um pouco sobre você, sobre o site!

Publicidade

Sobre

Links úteis

error: O conteúdo está protegido !!