PDT nacional proíbe que membros declarem apoio a Bolsonaro

O PDT nacional fechou nesta quarta-feira 10, com o PT, para apoiar Fernando Haddad, em troca cinco grandes cargos: – A Casa Civil. – O Ministério do Planejamento. – O comando do BNB. – Um ministério para Carlos Lupi. – A presidência do Senado para Cid Gomes.

O presidente da legenda proibiu que todos os membros do partidos subam em palanques e anunciem apoio ao candidato à presidência Jair Bolsonaro.
Sendo assim fica proibido todo e qualquer membro ou candidato declarar apoio ao Bolsonaro.

Compartilhar no linkedin
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no print

Deixe um comentário

VEJA TAMBÉM:

Thalita Moema

Aqui você pode falar um pouco sobre você, sobre o site!

Publicidade

Sobre

Links úteis

error: O conteúdo está protegido !!