Vacina contra a covid-19 estará no SUS em dezembro de 2020, diz Doria

A vacina contra a covid-19, produzida pelo laboratório chinês Sinovac, pode estar disponível no Sistema Único de Saúde (SUS) em dezembro de 2020. A afirmação foi feita pelo governador de São Paulo, João Doria (PSDB), em coletiva de imprensa nesta quarta-feira, 26. A previsão inicial era de que a imunização estivesse disponível em janeiro de 2021.

O estado, por meio do Instituto Butantan, desenvolve a vacina chinesa que está na fase três de testes para comprovar a eficácia. Ao lado da vacina desenvolvida pelo laboratório AstraZeneca, é uma das mais promissoras e avançadas do mundo.
“Se tivermos esta fase de testagem bem concluída em outubro, ou até a primeira quinzena de novembro, em dezembro já teremos disponível para a imunização da população através do SUS. Nesta primeira etapa teremos acesso a 45 milhões de doses. Esta aplicação depende da autorização da Agência Nacional de Vigilância Sanitária”, disse Doria em entrevista no Palácio dos Bandeirantes.

A fase de testes da vacina desenvolvida pelo Instituto Butantan começou no fim de julho. Ao todo, 9.000 profissionais de saúde voluntários participam do estudo em São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Paraná, Rio Grande do Sul, além do Distrito Federal.

Nesta quarta-feira, a EXAME adiantou, com exclusividade, que o governo de São Paulo construirá uma fábrica com capacidade para produzir 120 milhões de doses da vacina. O investimento será de 160 milhões de reais vindos da inciativa privada.

Exame

Do blog: Senhoooooor, tua filhinhaaaa tá pronta!

Compartilhar no linkedin
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no print

Deixe uma resposta

VEJA TAMBÉM

Thalita Moema

Aqui você pode falar um pouco sobre você, sobre o site!

Publicidade

Sobre

Links úteis

error: O conteúdo está protegido !!